Marcar Consulta
Nutrição Funcional

Blog Nutrição Funcional

Daniela Seabra
Refeições escolares - o poder da internet
20 Junho 2012

E se as crianças das escolas começassem a fotografar as refeições escolares, a classificá-las e a publicar as fotos num blogue? Será que isso mudaria alguma coisa? A resposta é sim!

Uma menina escocesa de 9 anos começou a fazer isso mesmo e rapidamente o seu blogue encheu-se de visitas e de imensos comentários de todo o mundo, e conseguiu aliados como o cozinheiro Jamie Oliver. Mas este blogue deu origem a uma notícia de jornal e à censura imediata deste mesmo blogue... Consequências? A menina de 9 anos ganhou ainda mais apoio da comunidade, e a censura foi terminada. Também conseguiu algo mais: que os responsáveis falassem da qualidade nutricional das refeições escolares e uma ajuda extra para o outro projecto chamado "Mary´s Meals", onde os leitores do blogue poderia contribuir com dinheiro para refeições em Africa. A publicidade e a onda de solidariedade em redor da menina censurada por fotografar as suas refeições escolares, fez com que se conseguissem angariar 102 mil euros para este projecto, um valor bem acima dos 8500 euros esperados. 

Comentários: 

- Em Portugal as refeições escolares, de uma forma geral, têm uma qualidade nutricional bem acima das refeições escolares inglesas, pois mantemos a tradição (fantástica) de cozinhar tudo de raiz. A sopa é feita de legumes, a carne é mesmo carne e o arroz é feito no próprio dia. Mas cada vez mais se colocam produtos como salsichas, delícias do mar, caldos artificiais para temperar (que contêm glutamato monossódico, um composto neurotóxico), ou preparados de carne / peixe panados (comprados congelados).
- Um dos pedidos que esta menina fez, foi que os seus leitores também enviassem as fotos das suas refeições escolares. Será que os meninos portugueses não querem mostrar como ainda comemos bem em Portugal? Para isso basta enviar as fotos para o blog dela: http://neverseconds.blogspot.pt/
- Mas fica aqui um apoio para todos os nutricionistas/ dietistas que mudam as ementas escolares e se deparam com reclamações por parte dos pais, pois "deixaram de dar batatas fritas" ou "a sopa deixou de ser passada", ou mesmo "porque estão a dar legumes ao filho, e em casa nós não os comemos". 




Curiosidades
Nas noticias
Publicado por:
Daniela Seabra
Partilhe

0 Comentários

Inserir Comentário

Entrar




Novo Utilizador?
Recuperar Password