Marcar Consulta
Nutrição Funcional

Blog Nutrição Funcional

Mais sushi, mais mercúrio? Sim, se escolher atum!
Helena Santos
Mais sushi, mais mercúrio? Sim, se escolher atum!
10 Dezembro 2013

Uma investigação publicada este ano no Journal of Risk Research averiguou o perigo de exposição ao mercúrio em função do seu consumo de peixe cozinhado e sushi.

Foram entrevistados 1289 indivíduos da universidade de Nova Jersey, de ambos os sexos no que diz respeito ao consumo de peixe e de peixe na forma de sushi. Além disso, foram avaliadas amostras de sushi de lojas e restaurantes de Nova Jersey, Nova Iorque e Chicago.

92% dos indivíduos que consumiam peixe/sushi, comiam em média 5 vezes por mês. 77% comia sushi e a média foi de 3 vezes por mês.
Caucasianos e asiáticos eram os que mais sushi consumiam por mês e os que mais consumiam em cada refeição.

O nível de mercúrio variou bastante com o tipo e qualidade do sushi. sashimi de atum foi a peça de sushi que mais mercúrio apresentou. A diferença de mercúrio do atum para outros peixes foi muito grande, sendo, nesta análise, o salmão um dos peixes com menos mercúrio.

Os caucasianos e asiáticos ultrapassaram os limites seguros de ingestão de mercúrio.

Este foi um estudo feito numa população específica e numa área geográfica restrita, mas serve para tiramos algumas conclusões. Quando comer sushi, evite o atum e faça o mesmo quando come peixe de outras formas.

Prefira peixes pequenos pois nesses a acumulação de mercúrio é menor.


Nutrição e Cerebro
Tóxicos alimentares
Publicado por:
Helena Santos
Partilhe

0 Comentários

Inserir Comentário

Entrar




Novo Utilizador?
Recuperar Password