Marcar Consulta
Nutrição Funcional

Blog Nutrição Funcional

Daniela Seabra
Imposto sobre os alimentos menos saudáveis?
23 Maio 2012
                                                                 
A ideia não é recente, mas está a ganhar cada vez mais adeptos. Desta vez é numa publicação do British Medical Journal, que antecede a 65th World Health Assembly, que se vai realizar entre 21 e 26 de Maio. 
    Os autores do artigo referem que o imposto deverá ser de pelo menos 20%, para poder ser eficaz no combate à obesidade e às doenças associadas a esta, e sugerem apoios para o consumo de alimentos saudáveis. Referem-se também a um estudo realizado no Reino Unido, que revelou que uma taxa de 35% nos refrigerantes levou a uma diminuição de 26% no consumo destas bebidas. Por outro lado, outros estudos sugerem que uma taxa de 20% nos refrigerantes nos Estados Unidos poderia levar a uma diminuição de 3,5% nos valores de obesidade.  
   Cá em Portugal, o bastonário da Ordem dos Médicos já sugeriu, também em Portugal a aplicação deste imposto. 

    Comentários:
     - Recordamos que Portugal está a chegar aos primeiros lugares do mundo e europa, relativamente à obesidade infantil. 
    - As medidas actuais estão a revelar-se claramente insuficientes e novas medidas são necessárias para travar esta epidemia. 
    - Mas enquanto essas medidas não chegam, comece por sua casa e por aqueles que lhe são próximos, pois a batalha contra a obesidade passa por todos nós: Não ofereça doces a crianças, mas sim outras recompensas que impliquem movimento, como um passeio de bicicleta, uma caminhada ao ar livre ou mesmo uma bola de futebol ou uma corda para saltar. Eduque o seu filho para comer de forma saudável, e dê o exemplo. 
    - E se precisar de ajuda, confie no nosso Programa Emagrecer Kids, pensado exactamente para os mais novos!

Obesidade
Publicado por:
Daniela Seabra
Partilhe

0 Comentários

Inserir Comentário

Entrar




Novo Utilizador?
Recuperar Password