Português  

 

Início > nutrição funcional > Blog Nutrição Funcional

Blog Nutrição Funcional
A mostrar mensagens com etiqueta CURIOSIDADES  Mostrar todas as mensagens

Stevia já foi aprovado na Europa! Quarta-Feira, 28 Setembro, 2011

Um edulcorante que não tenha efeitos secundários? Exacto. O stevia é uma planta com um elevado poder edulcorante, que não têm qualquer valor calórico, que não altera os níveis de açucar nem de insulina no sangue, e principalmente, que não tem efeitos secundários prejudiciais.

Já em Julho diziamos que o uso do Stevia estava quase a ser aprovado, e o relatório da sua segurança para consumo humano já foi aprovado pela Autoridade Europeia de Segurança Alimentar. Esperamos por isso ansiosamente a sua comercialização, de forma a todos podermos adoçar a boca sem consequências. 
 
Como para tudo, há que existir bom senso, apesar de não se terem verificado efeitos secundários, o uso excessivo ou abusivo continua a ser totalmente desaconselhado.






Publicado por: Daniela Seabra|Comentários: 0
EtiquetasCuriosidades

 

Fazer com que as crianças comam mais legumes? Tente "esconder" um puré de legumes Quarta-Feira, 24 Agosto, 2011

Fazer com que as crianças comam mais legumes nem sempre é tarefa fácil, por isso gostamos de todos os truques que o consigam fazer. Os purés de legumes podem ser uma excelente opção.

Neste estudo, realizado com crianças entre os 3 e os 5 anos, e publicado na edição de Julho do American Journal of Clinical Nutrition, diferentes purés de legumes foram incorporados em diferentes refeições. Não só as crianças consumiram a mesma quantidade de comida, como o consumo de legumes "visíveis" se manteve. Ou seja, o consumo de legumes "visíveis" e "escondidos" fez com que o consumo de legumes no total aumentasse consideravelmente.

Comentários:
  - comece a cozer legumes em pouca água e sem sal, e no final transforme-os em puré. Quando este puré estiver frio, congele-o em cuvetes de gelo e vá acrescentando na elaboração das suas refeições.
  - porque não fazer um puré verde (acrescentando um legume verde), um puré cor de laranja (acrescentando cenoura, ou abóbora), ou mesmo um puré azul (acrescentando couve rouxa)? 
 - pode ainda fazer arroz de diferentes cores, basta para isso juntar os purés de legumes coloridos, que já congelou previamente.
 - caso a sua criança recuse os "coloridos", pode sempre optar pelo branco da couve flor ou o verde pálido do interior da courgette, para incorporar na elaboração do arroz, ou mesmo no molho do estufado.
 - e obviamente que estes "truques" não devem substituir o prato da sopa, uma das nossas melhores tradições gastronómicas!

Nota: imagem retirada daqui

Publicado por: Daniela Seabra|Comentários: 0
EtiquetasCuriosidades| Nutrição para a saúde| Obesidade

 

Embalagens comestíveis e mais seguras Sexta-Feira, 12 Agosto, 2011

Já imaginou uma camada natural finíssima à volta de uma maçã, que aumenta a qualidade, segurança e durabilidade do alimento, que é comestível e que até indica se o produto sofreu alterações?

Esta inovação denominada Nanopacksafer aplica a nanotecnologia às embalagens e está a ser desenvolvida no âmbito do projecto internacional Nanopacksafer pelas universidades do Minho (IBB/CEB e Centro de Física), Aveiro, Vigo, País Basco, Complutense de Madrid e Centro de Investigação Valenciano IATA-CSIC.


O projecto pretende desenvolver embalagens alimentares com melhores propriedades antimicrobianas, mecânicas e térmicas, através de nano-revestimentos edíveis (protecção comestível), filmes não-edíveis e nano-partículas.

Os dispositivos permitirão também a monitorização efectiva das propriedades do alimento. Por exemplo, será possível verificar facilmente a qualidade do peixe, do queijo ou da fruta através de "sinais" de nanossensores incorporados no próprio revestimento. A camada finíssima poderá também ser comestível sem que ocorram alterações no sabor dos alimentos.

Estas embalagens inteligentes funcionais vão aumentar a protecção dos alimentos e prolongar o seu ciclo de vida. Será possível o controlo da atmosfera interna do invólucro, a libertação controlada de moléculas (nanoaditivos bioactivos) com actividade antimicrobiana, antioxidante ou de captura de oxigénio, bem como o uso de nano-hidrogeis poliméricos que libertam determinados ingredientes em resposta às condições ambientais.

Comentários :
-  A utilização desta tecnologia está em forte expansão e o interesse de várias empresas e instituições tem vindo a aumentar.  
- A segurança alimentar é da maior importância na sociedade actual. Contudo, apesar dos grandes desenvolvimentos na área, os custos materiais e humanos associados continuam muito elevados e, para além disso, os consumidores querem, cada vez mais, produtos naturais e minimamente processados.
- A nanotecnologia é assim fundamental para desenvolver tecnologias/processos e responder aos desafios da indústria e às exigências dos cidadãos

Nota: Imagem retirada daqui

Publicado por: Gisela Carrilho|Comentários: 0
EtiquetasCuriosidades

 

Stevia - já falta pouco! Quarta-Feira, 6 Julho, 2011

 O Stevia passou mais uma etapa do longo caminho de aprovação para o seu consumo no Europa. Segundo representantes da União Europeia, em 2012 já poderão existir produtos alimentares com Stevia.

Comentários:
  - gostamos imenso desta noticia, pois o Stevia é uma planta com um forte poder edulcorante, sem valor calórico, sem influencia nos níveis de açucar, e principalmente, sem efeitos secundários conhecidos. É por isso considerado por nós, como a melhor forma de adoçar sem consequências.  
  - a sua aprovação nos Estados Unidos também foi demorada, não pelos efeitos secundarios apresentados (que não existem), mas porque era uma opção natural e isenta de riscos, aos outros adoçantes sintéticos (como é o caso do aspartame, acetosulfame K, sacarina e o mais recente sucralose). Estes sim, repletos de efeitos secundários conhecidos. 
  - enquanto não chega o Stevia, resta-nos recomendar o xilitol (em quantidades moderadas), ou mesmo a rapadura ou o açucar mascavado, em quantidades ainda mais moderadas. Aguardamos por isso, ansiosamente, pela chegada do Stevia. Sem duvida que será uma opção a considerar nos planos alimentares aconselhados na consulta de nutrição Emagrecer Cérebro (sim, porque o consumo de açucar tem um forte impacto na nossa capacidade de aprendizagem).  

Publicado por: Daniela Seabra|Comentários: 0
EtiquetasCuriosidades

 

Relativamente aos produtos comercias de mirtilos, que não têm mirtilos... Quarta-Feira, 25 Maio, 2011

Em Fevereiro de 2011 publicamos um pequeno video sobre a ausencia de Mirtilos, nos produtos alimentares com mirtilos. Intrigado? Pode voltar a ver o video aqui. 

Relembro esta história, porque acabou de ser transformada numa investigação. Uma empresa americana de advogados decidiu iniciar uma investigação e está a pedir a colaboração de todos aqueles que se sentirem lesados por publicidade deste género. Deduzo que apenas aceitem a participação de residentes nos Estados Unidos, mas fica aqui a informação. 

Para mais informação, pode ver aqui 


Comentários:
- a rotulagem é fundamental, pelo que aconselhamos a leitura cuidadosa dos rótulos, nomeadamente a lista de ingredientes. 
- alguns dos ingredientes estão associados a alterações do comportamento (caso flagrante nas crianças com autismo e/ou sindrome de hiperactividade), enquanto outros ingredientes estão associados à diminuição da capacidade cognitiva. 
 - Porque sabemos do impacto que estes compostos têm, nomeadamente na nossa capacidade cognitiva, a nossa consulta cérebro começa pela identificação desses mesmos ingredientes. Esta consulta foi pensada para todos em que "o cerebro já não é o que era....".  

Publicado por: Daniela Seabra|Comentários: 0
EtiquetasCuriosidades| Nas noticias| Nutrição e Cerebro

 

"Ovos da Páscoa com corantes naturais" Segunda-Feira, 25 Abril, 2011

Na Páscoa é tradição usar o ovo como símbolo de celebração. Os ovos têm sido, ao longo do tempo, associados à primavera e vistos como um sinal de fertilidade e nova vida.

Muitas das plantas usadas tradicionalmente para dar cor a lãs e outras fibras naturais, podem ser utilizados para fazer o conhecido ovo da Páscoa  em vez de se utilizar os corantes comerciais.

Seguem algumas sugestões para colorir os ovos da páscoa com corantes naturais.


Como cozinhar os ovos?
- Coloque os ovos numa panela e cubra com água fria.
- Leve os ovos ao lume até ferver.
- Depois de ferver, reduza o lume e cozinhe por mais 15 minutos.
- Retire a panela do lume, e cubra os ovos com água fria.
- Quando arrefecerem começe o processo de coloração

Processo de coloração:
1. Coloque cada ingrediente (ver lista abaixo) numa panela com 2 chávenas de água até ferver
2. Seguidamente despeje em taças e deixe arrefecer
2. Acrescente duas colheres de sopa de vinagre para cada chávena de corante
3. Para tingir os ovos deve submergir completamente cada ovo até que ele atinja a cor desejada

Nota
: Se uma cor não escurecer como gostaria, coloque a taça com o corante e o ovo no frigorifico durante algumas horas. Tente usar dois diferentes corantes num ovo para criar cores diferentes. Aproveite não só as cores naturais, mas a variação na forma como cada corante adere a diferentes ovos

Ingredientes para cada Cor:
- Ouro:
uma mão de cascas de cebola amarela
- Amarelo: 2 colheres de sopa de açafrão, ½ chávena de malmequeres secos ou uma mão de cenouras
- Verde: uma mão da planta dente de leão
- Azul: 2 chávenas de couve-roxa picada
- Rosa: 2 chávenas de beterraba picada
- Roxo: 1 chávena de mirtilos congelados
- Castanho: 2 colheres de sopa de borras de café ou 4 saquinhos de chá preto


Nota: Ideia retirada daqui

Publicado por: Nutrição Funcional |Comentários: 0
EtiquetasCuriosidades

 

Carros feitos de banana e abacaxi Quarta-Feira, 13 Abril, 2011

Os carros do futuro poderão ser, em parte, feitos a partir das fibras do abacaxi e da banana.

Investigadores brasileiros conseguiram desenvolver um método eficaz para produção de um plástico muito resistente, que poderia ser usado no fabrico de carros. Trata-se de uma plástico 3 - 4 vezes mais resistente e 30% mais leves e ecológicos que os plasticos usados na actualidade. Este menor peso condiciona ainda um menor gasto de combustivel.

Esta novidade foi apresentada recentemente no 24º encontro mundial de quimica.


Comentarios:
 - trata-se de um avanço bem interessante, e sem dúvida de um passo importante.
 - o 2º passo será conseguir que este "preparado" seja 100% biodegradável.

Publicado por: Daniela Seabra|Comentários: 0
EtiquetasCuriosidades

 

Vacas geneticamente modificadas para produzirem leite materno????? Quarta-Feira, 6 Abril, 2011

 Segundo o "The Telegraph", cientistas conseguiram introduzir com sucesso, genes humanos numa vaca, de maneira a que esta seja capaz de produzir um leite mais parecido com o leite materno.

Segundo estes investigadores, este tipo de leite, seria mais uma alternativa para a alimentação infantil, para ser vendido, eventualmente em supermercados.

Comentários:
 - Sinceramente, estão tão chocada que não consigo comentar...
 - Será que o próximo passo será a introdução dos genes do morango ou do cacau na vaca, para produzirem leite com sabor a morango ou a chocolate? Mas para isso tinham que colocar juntar também os genes da cana do açucar, para ficar docinho. Acho que o melhor é não dar ideias... quem sabe se não pegam nelas!
- Quem é que pára esta loucura?? 

Publicado por: Daniela Seabra|Comentários: 0
EtiquetasCuriosidades

 

 
 E-mail  Comentar  Newsletter  Blog  Partilhar
 Ir para o topo
 
Entradas Recentes
Próximos Eventos
       


2009 © NBRSolutions,Lda. - Todos os direitos reservados.